Produtividade

Atenção plena (mindfulness) nas vendas.


Você pode estar sentado em frente ao seu potencial cliente, mas sua cabeça está em outro lugar, em algum lugar muito distante. Pode estar pensando em algum problema ou desafio que você está enfrentando no momento atual. Ou pode estar em algum lugar no passado, lidando com algo não resolvido que ainda tira sua atenção.

Você está escrevendo um e-mail para auxiliar o seu tão sonhado cliente. Seus dedos estão digitando palavras no teclado, mas eles não capturam o que você quer dizer, porque você está distraído com todos os e-mails recebidos, muitos dos quais exigem que você faça alguma coisa. Sua cabeça não está no jogo.

Seu gerente está compartilhando com sua equipe as mudanças nas estratégias da empresa, e tudo o que se espera de você nos próximos meses. Tudo o que ela está dizendo é importante, mas sua mente se desviou para outro lugar.

A atenção plena (Mindfulness) está no momento presente. No sentido mais tradicional, a atenção plena reconhece seus pensamentos e emoções, sem permitir que eles assumam seu estado mental. Ela também é conhecida como prática de meditação, ajudando a adquirir essa habilidade, por isso que muitas pessoas estão aderindo-a.

Quando você está com seus clientes ou prospects, eles precisam sentir que você está totalmente presente, dando a eles toda a sua atenção. Fazer isso prova que você se importa com eles e com o que eles estão dizendo. O tempo que você tem com seus clientes é muito raro para desperdiçá-lo, estando apenas parcialmente presente.

Toda comunicação tem a chance de ajudar com novas oportunidades. Não há razão para se comunicar sem dar atenção máxima ao cliente, seja qual for o meio de comunicação utilizado. Eliminando todas as distrações, reais ou imaginárias, você dará 100% da atenção necessária.

A atenção plena é um estado mental e está sob o seu controle, mesmo que às vezes não pareça estar. Você pode mudar seu estado mental através do esforço consciente ou seu estado físico. Eu descobri que é impossível manter qualquer tipo de estado negativo durante uma corrida, algo que acredito ser devido ao aumento maciço de oxigênio e outras mudanças fisiológicas.

Onde quer que você esteja, esteja lá. O que quer que você esteja fazendo, faça isso.

 

Escrito por Anthony Iannarino
Traduzido, editado e revisado por Demander – Gestão Comercial.

Comentários

comentários

Deixe uma resposta